Ator paranaense José Maria Santos, o Zé Maria, ganha biografia

Livro será lançado virtualmente no dia 4 de janeiro, data que marca os 30 anos de falecimento do ator

No dia 4 de janeiro, foi lançado em um evento virtual a biografia “VIVAZÉ! José Maria Santos – ator do Paraná”, escrita pelo ator e jornalista Ulisses Iarochinski. A data escolhida para o lançamento marca os 30 anos de falecimento do ator, diretor, produtor e professor.
O livro “VIVAZÉ!” contém 266 páginas que reúnem a biografia, quatro entrevistas, três prefácios, 110 fotos de peças teatrais e pessoais de Zé Maria e está disponível para venda no site Amazon.
A obra faz parte de um amplo projeto, que já teve a realização de um espetáculo, uma exposição itinerante e um documentário longa-metragem, todos sob o selo VIVAZÉ!.
José Maria Santos, ou Zé Maria, é considerado um ícone do teatro paranaense. Natural de Guarapuava, nasceu em 12 de dezembro de 1933 e começou sua carreira no Teatro de Adultos do Sesi, em 1954. Seus últimos trabalhos como ator foram em 1989 nas peças “Casal do Barulho” de Dario Fo com sua Companhia Dramática Independente, “Médico a Força”, de Molière, com o grupo Tecefet, e no filme “O Mal”, de Valêncio Xavier.
Zé Maria recebeu vários prêmios de melhor ator e diretor. Em 1977, ganhou o “Kikito de Ouro do Festival de Cinema de Gramado” como melhor ator coadjuvante por seu trabalho no filme “Aleluia Gretchen”. Em 1972, criou o grupo amador de teatro “TUT” (Teatro da Universidade Tecnológica), Escola Técnica Federal do Paraná, onde esteve à frente até a sua morte, em 4 de janeiro de 1990.

Iarochinski foi aluno e colega de palco de Zé Maria e também foi responsável pela campanha que, em 1998, renomeou o antigo Teatro da Classe, na Rua 13 de Maio, para Teatro José Maria dos Santos, homenageando o ator.

VEJA TAMBÉM: Nova HQ de José Aguiar faz uma homenagem crítica a Curitiba por meio de personagens históricos

Para renomear o teatro, foram produzidas 17 páginas inteiras (capas do caderno de cultura do Jornal do Estado (atual Bem Paraná), além da publicação de várias reportagens e notas de colunas por mais de dois anos. Com a campanha, Ulisses e o diretor do jornal na época, Ruy Barrozo, sensibilizaram o deputado estadual Algacy Túlio, que apresentou a proposta na Assembleia Legislativa. Depois de aprovado, o projeto foi sancionado pelo então governador Roberto Requião.
 
 
Você sabia que o Curitiba de Graça é um veículo feito por jornalistas e é independente? Para continuarmos fazendo nosso trabalho de difusão da cultura precisamos do seu apoio. Veja como colaborar AQUI.

Deixe uma resposta

Publicações Recentes

Últimos Dias para Visitar a Exposição Poty Expandido na CAIXA Cultural Curitiba

Com entrada gratuita, confira a homenagem ao artista curitibano Poty Lazzarotto. A exposição vai até 30 de junho. Exposição Poty...

Veja Também

spot_imgspot_img

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.