As exibições são gratuitas e ocorrem sempre às segundas no Teatro Bom Jesus

“O Lixo e o Sonho”, de Lynne Ramsay, é um dos filmes que serão exibidos no “Especial Mulheres na Direção”. Foto: Reprodução

A partir de 3 de fevereiro, a FAE e o Teatro Bom Jesus iniciam a programação de 2020 do Cineclube Espoletta, que exibe filmes da história do cinema mundial em parceria com o Museu Guido Viaro. As sessões são sempre às  segundas, a partir das 18h, seguidas de bate-papo. A entrada é gratuita.

Até o dia 6 de abril, acontecerá o “Especial Mulheres na Direção”. Foram escolhidos  filmes que fazem uma homenagem ao talento feminino e ao Dia Internacional da Mulher.

Uma vez ao mês, ainda ocorrem as “Sessões Psicanálise & Cinema” com o objetivo de abrir espaço para o debate partindo sempre de um esclarecimento psicanalítico.

O Teatro Bom Jesus fica na Rua 24 de maio, 135 – Centro. Mais informações pelo telefone (41) 2105-4034.

Programação do “Especial Mulheres da Direção” do Cineclube Espoletta FAE

3 de fevereiro | 18h
“Corações Desertos”, de Donna Deitch
Drama/Romance | EUA | 1985
Sinopse: Década de 1950, Nevada. A professora universitária Vivian Bell (Helen Shaver) se estabelece em Reno para finalizar seu divórcio. No rancho em que está hospedada, ela conhece Cay Rivvers (Patricia Charbonneau), inquieta jovem que trabalha em um cassino da região. Inicialmente reclusa, Vivian aos poucos vai se abrindo para uma interessada Cay e o relacionamento das duas fica cada vez mais intenso, o que incomoda Frances Parker (Audra Lindley), proprietária da hospedagem.

10 de fevereiro | 18h
Psicanálise & Cinema apresenta “O Estranho que Nós Amamos”, de Sofia Coppola
Drama/Thriller | EUA | 2017
Sinopse: Um soldado da União, ferido em combate durante a Guerra de Secessão, acaba encontrando refúgio e um lugar para se curar dentro de um internato para mulheres localizado em território confederado.

17 de fevereiro | 18h
“Uma canta, a outra não”, de Agnès Varda
Drama/Histórico | França/Bélgica | 1977
Sinopse: França, década de 1970. Duas mulheres, Pomme (Valérie Mairesse) e Suzanne (Thérèse Liotard), veem suas vidas se entrelaçaram entre si e com o crescente movimento feminista da época. Elas se conhecem quando jovens e depois perdem contato durante dez anos, quando se encontram novamente. À essa altura do campeonato, Pomme é uma cantora excêntrica e Suzanne tem um trabalho convencional.

24 de fevereiro
Não haverá exibição devido ao Carnaval

2 de março | 18h
“Laços de Sangue”, de Ida Lupino
Drama | EUA | 1951
Sinopse: Laços de Sangue narra a trajetória de Florence (Sally Forrest), uma jovem que é descoberta por um olheiro num campeonato amador de tênis e acaba por se tornar campeã nacional por dois anos consecutivos. Florence é uma garota comum, filha única de uma família de classe média, que não trabalha, não tem grandes ambições. Conhece um rapaz chamado Gordon (Robert Clark), que a leva para jogar no clube onde trabalha; dessa maneira, ela é vista. Florence não parece querer nada de verdade. É uma garota sortuda para quem as portas se abrem, que está no lugar certo e na hora certa.

9 de março | 18h
“A Pequena Orfã”, de Lina Wertmüller
Romance/Drama | Itália | 2002
Sinopse: Itália, final do século XIX. Dona de uma fábrica de macarrão, Francesca (Sophia Loren) se casa com o príncipe Giordano (Giancarlo Gianini), com quem tem nove filhos. Para pagar uma promessa, adota ainda uma órfã chamada Nunziata, que se torna sua filha mais dedicada. Anos depois, quando o filho mais velho de Francesca retorna da faculdade, Nunziata se apaixona por ele. Um amor proibido que causará muitos problemas para essa grande família.

16 de março | 18h
Psicanálise & Cinema apresenta “Você nunca esteve realmente aqui”, de Lynne Ramsay
Drama/Suspense | EUA/França/Reino Unido | 2017
Sinopse: Joe (Joaquin Phoenix), um veterano de guerra traumatizado, ganha a vida sendo matador de aluguel. Quando um trabalho fica fora de controle, seus pesadelos o alcançam. Ao mesmo tempo, uma conspiração é descoberta, o levando a uma viagem que pode ser para a sua morte ou para seu despertar.

23 de março | 18h
“A Hora da Estrela”, de Suzana Amaral
Comédia dramática | Brasil | 1985
Sinopse: Macabéa (Marcélia Cartaxo) é uma imigrante nordestina, que vive em São Paulo. Ela trabalha como datilógrafa em uma pequena firma e vive em uma pensão miserável, onde divide o quarto com outras três mulheres. Macabéa não tem ambições, apesar de sentir desejo e querer ter um namorado. Um dia ela conhece Olímpico (José Dumont), um operário metalúrgico com quem inicia namoro. Só que Glória (Tamara Taxman), colega de trabalho de Macabéa, tem outros planos após se consultar com uma cartomante (Fernanda Montenegro).

30 de março | 18h
“Infiel”, de Liv Ullmann
Drama | Suécia | 2000
Sinopse: Markus (Thomas Hanzon) e Marianne (Lena Endre) formam um casal feliz. Ele é o condutor de uma orquestra, cujos concertos fazem com que ele viaje constantemente, enquanto que ela é uma atriz que, por causa de sua carreira, não pode acompanhar o marido em suas viagens. Ela frequentemente permanece por vários dias sozinha e a solidão acaba fazendo com que tenha um caso com um colega de profissão. Porém, quando Markus descobre que Marianne o traiu ele fica furioso e decide romper definitivamente todos os elos emocionais que ambos criaram em anos de casamento.

6 de abril | 18h
“O Lixo e o Sonho”, de Lynne Ramsay
Drama/Histórico | Reino Unido | 1999
Sinopse: Glasgow, 1973. Uma greve dos lixeiros afeta a cidade. As regiões mais pobres são as que mais sofrem com isso. James é um garoto que se sente culpado pela morte acidental de seu melhor amigo. Enquanto tenta lidar com a perda, ele percebe como é degradada a situação em que ele e seus vizinhos e amigos vivem.

Programação do Cineclube Espoletta FAE de abril a maio

13 de abril |  18h30
Psicanálise & Cinema apresenta “Simone de Beauvoir – Uma Mulher Atual”, de Dominique Gros
Documentário | França | 2007
Sinopse: O documentário evoca a personalidade da romancista, filósofa, ativista política e feminista. O filme vai ao encontro desta mulher, em toda a sua riqueza e complexidade, à luz de um período rico em mudanças.

20 de abril | 18h
“Inverno de Sangue em Veneza”, de Nicolas Roeg
Suspense | Itália/Reino Unido | 1973
Sinopse: Após a trágica morte acidental de sua filha, o casal Laura (Julie Christie) e John Baxter (Donald Sutherland) decide começar uma nova vida em Veneza, onde ele trabalhará na restauração de uma igreja. Lá os dois conhecem duas estranhas irmãs. Uma delas afirma ter contato com o espírito da criança falecida e avisa que o casal corre um sério risco em Veneza. John duvida, mas logo começa a ter misteriosas visões.

27 de abril | 18h
“Moulin Rouge”, de John Huston
Drama biográfico | EUA |  1952
Sinopse: Na agitada Paris do fim de século, o jovem artista Toulouse-Lautrec passa as noites no cabaré Moulin Rouge, onde gosta de beber conhaque e fazer desenhos das dançarinas de Can-Can. Ele é amigo dos boêmios e artistas da casa. Mas sua vida nunca mais será a mesma quando conhece uma mulher na rua, por quem se apaixona perdidamente.

4 de maio | 18h
“Narciso Negro”, de Michael Powel e Emeric Pressburger
Drama | Inglaterra | 1947
Sinopse: Um grupo de freiras anglicanas liderado pela irmã Clodagh (Deborah Kerr) é enviado aos Himalaias. O clima na região é hostil e as irmãs são abrigadas em um palácio antigo. Elas trabalham para estabelecer uma escola e um hospital, mas lentamente o foco começa a mudar.

11 de maio| 18h
“Danton”, de Andrzej Wajda
Drama histórico | Polônia/França/Alemanha | 1983
Sinopse: Na primavera de 1794, Danton (Gérard Depardieu) retorna a Paris e constata que o Comitê de Segurança, sob a incitação de Robespierre (Wojciech Pszoniak), inicia várias execuções em massa. O povo, que já passava fome, agora vive um medo constante, pois qualquer coisa que desagrade o poder é considerado um ato contra-revolucionário. Nem mesmo Danton, um dos líderes da Revolução Francesa, deixa de ser acusado. Os mesmos revolucionários que promulgaram a Declaração de Direitos do Homem implantaram agora um regime onde o terror impera. Confiando no apoio popular, Danton entra em choque com Robespierre, seu antigo aliado, que detém o poder. O resultado deste confronto é que Danton acaba sendo levado a julgamento, onde a liberdade, a igualdade e a fraternidade foram facilmente esquecidas.

18 de maio | 18h30
Psicanálise & Cinema apresenta “A Tabacaria”, de Nikolaus Leytner
Drama | Áustria/Alemanha | 2018
Sinopse: Um jovem de 17 anos chamado Franz começa a trabalhar como aprendiz em uma tabacaria em que Sigmund Freud é um cliente frequente. Depois de um tempo, os dois estabelecem uma forte relação de amizade. O jovem se apaixona por uma moça, Anezka, e começa a pedir conselhos amorosos para Freud que, embora seja um renomado psicanalista, confirma que, até mesmo para ele, os mistérios femininos têm uma grande potência.

25 de maio | 18h
“Sedução da Carne”, de Luchino Visconti
Romance/Histórico | Itália | 1954
Sinopse: Nesta exuberante produção em technicolor, o lendário cineasta Luchino Visconti conta o trágico romance entre uma condessa italiana que, no século 19, durante a ocupação austríaca de seu país, coloca seu casamento e suas crenças políticas em risco ao se envolver com um charmoso oficial austríaco.

SERVIÇO: Cineclube Espoletta FAE 
Data: Segundas-feiras de fevereiro a maio (exceto dia 24 de fevereiro)
Horário: a partir das 18h
Local: Teatro Bom Jesus | Rua 24 de maio, 135 – Centro
Entrada gratuita