Itaú lança nova edição da campanha “Leia Para Uma Criança”, que completa dez anos

Para esta décima edição da campanha, os títulos escolhidos para distribuição foram “A visita” e “Com que roupa irei para a festa do rei?”

Desde o início de outubro, foi lançada décima edição do programa “Leia para uma Criança”, iniciativa apoiada pelo Itaú Unibanco que distribui livros para incentivar a leitura entre os pequenos. Neste ano, os títulos são “A visita”, da autora e ilustradora Antje Damm, e “Com que roupa irei para a festa do rei?”, de do autor Tino Freitas e da ilustradora Ionit Zilberman, que possuem versões acessíveis em braile e com fonte expandida.

Os pedidos podem ser feitos pelo site www.euleioparaumacrianca.com.br, e são abertos para qualquer pessoa. Desde 2010, mais de 57 milhões de livros físicos já distribuídos gratuitamente. A expectativa para 2020 é que que sejam distribuídos 3,6 milhões de exemplares.

“Nas dez edições, o programa Leia para uma Criança nos permitiu levar a literatura infantil de qualidade para lares, escolas e bibliotecas de todo o país. A iniciativa, vencedora do Prêmio Jabuti em 2019, é mais do que distribuir livros. Ao longo desses anos, mostramos o quanto é importante a leitura de um adulto para uma criança, estimulando a participação da família na educação de seus filhos desde os primeiros anos”, destaca a superintendente do Itaú Social, Angela Dannemann.

Os novos livros foram selecionados por meio de um edital público e passaram por uma curadoria de especialistas em literatura infantil, organizações da sociedade civil, secretarias de educação, cultura e assistência Social, além de Voluntários do Itaú Unibanco, adultos e crianças de diversas regiões do país.

Em “A visita”, a autora e ilustradora alemã Antje Damm convida as crianças a participar de alguns momentos do dia a dia de uma mulher chamada Elise, acompanhando as transformações que ocorrem em sua vida a partir da chegada de uma curiosa visita.

Já no livro “Com que roupa irei para a festa do rei?”, finalista do Prêmio Jabuti, o autor Tino Freitas e a ilustradora Ionit Zilberman fazem referência a uma das mais famosas histórias de Hans Christian Andersen, um dos grandes escritores da literatura infantil mundial. Com um texto rimado e ilustrações bem-humoradas, os autores criaram uma história repleta de detalhes, que convida as crianças a participarem.

Livros digitais

Além dos livros físicos, a coleção ganha ainda mais dois títulos digitais que foram inspirados a partir de dois textos de alunos vencedores da 6ª edição da Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro: “Da janela de Minas”, de Nicole Rodrigues Florentino, e “O apanhador da acalantos”, de Beatriz Pereira Rodrigues. Os novos livros digitais entram para um acervo de 16 obras gratuitas disponíveis no site e que também podem ser solicitadas pelo whatsapp (11) 98151-1078.

A iniciativa já distribuiu mais de 7,8 milhões de exemplares pelo aplicativo de mensagens. Apenas é importante lembrar que não é recomendada a exposição de telas para crianças abaixo dos dois anos, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS).

Live para uma Criança

Neste ano, a campanha também terá uma novidade: a “Live para uma Criança”. Em todos os sábados, o público conta com uma sessão de leitura de um dos livros digitais da coleção, além da oportunidade de ouvir dicas de especialistas em mediação de leitura para crianças.

VEJA TAMBÉM: MEC lança coleção Conta pra Mim, com livros digitais, áudios e cantigas infantis

Cada livro irá abordar um tema relevante no momento: saúde, meio ambiente, empatia e educação. E todos serão lidos por um time especial de convidados. A programação completa está AQUI.

“Celebramos os 10 anos do Leia para uma Criança em um momento bastante desafiador. O isolamento social mudou a rotina de adultos e crianças em todo o país. Sensíveis a esse cenário, adaptamos nossa campanha para que, mais do que comunicar, pudéssemos criar um momento especial e transformador durante a quarentena. A leitura dos livros foi transportada para lives com mediação de leitura, músicas e conversas sobre os assuntos que tomaram conta do ano”, explica Eduardo Tracanella, diretor de Marketing Institucional e Atacado do Itaú Unibanco.

Distribuição focalizada

O Itaú Social, além do envio para as pessoas que fizerem o pedido no site, também distribuirá 600 mil coleções do Leia para uma Criança a crianças matriculadas na rede pública de municípios considerados de alta e muito alta vulnerabilidade, sobretudo nas regiões Norte e Nordeste, de acordo com monitoramento de indicadores sociais do Unicef.

Ainda serão entregues coleções para os municípios que fazem parte do programa Melhoria da Educação, desenvolvido pelo Itaú Social, que promove formação continuada para profissionais da educação pública e também para organizações da sociedade civil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicações Recentes

Curitiba de Graça lança campanha de financiamento coletivo

Colabore com o Curitiba de Graça e seja um benfeitor do jornalismo cultural Ao menos, nos últimos dois anos, você...

Pedreira Paulo Leminski tem estreia do filme “Como cães e gatos 3: Peludos Unidos!”

O terceiro filme da franquia terá várias sessões neste fim de semana, no Planeta Drive-In Curitiba Nesta semana, o Planeta Drive-In Curitiba, na Pedreira Paulo...

Brasis no Paiol em Casa anuncia edição de outubro com dez shows

Em outubro, apresentações do Brasis no Paiol serão de artistas do Paraná e São Paulo Enquanto a vacina do coronavírus não chega, o Brasis no...

Seis editoras brasileiras se unem para incentivar a diversidade e tolerância religiosa

Projeto "Andar com Fé eu Vou" disponibiliza oito audiolivros gratuitos para promover a tolerância religiosa Para ajudar a promover a diversidade e tolerância religiosa, seis...

Associação Socorro aos Necessitados faz live para iniciar comemorações de seu centenário

Aniversário de 100 anos da Socorro aos Necessitados terá vários eventos ao longo do próximo ano Em 2021, a Socorro aos Necessitados completará 100 anos,...

Veja Também

close-link