Dia Nacional do Livro Infantil: Hábito da leitura deve ser cultivado desde cedo

Especialistas selecionam obras premiadas e gratuitas para celebrar o dia 18 de abril

“Ler é estabelecer uma conexão com o mundo e com si mesmo”. Entre os vários benefícios que o hábito da leitura traz para crianças e seu desenvolvimento, essa talvez seja a que mais se destaque, de acordo com a diretora educacional da Educação Básica do Grupo Marista, Marcia Maria Rosa. É a partir dessa conexão que se estabelecem muitos outros benefícios, como competências cognitivas, afetivas, emocionais, desenvolvimento da linguagem, criatividade, alfabetização, ampliação do vocabulário e oportunidade de reflexão.

A gerente editorial de Projetos Especiais e Literatura/Paradidáticos da FTD Educação, Isabel Lopes Coelho, partilha da mesma opinião. “Ler um livro é abrir uma janela que conecta, ao menos, dois universos. O primeiro deles é um olhar profundo para dentro de nós, uma imersão nos nossos sentimentos, nas nossas paixões e crenças. O outro, provoca o sentimento inverso: olhar para fora, desta vez, observando o mundo com mais sensibilidade”.

Qual a melhor idade para começar?

Não existe idade certa para que a leitura passe a ser incentivada, mas quanto antes, maior será a conexão da criança com a leitura, explica Rosa. “A leitura é a experiência de passear por uma obra literária, de passear pelas letras, por imagens ou apenas cenários”. Antes mesmo de aprender a ler, os pais podem estimular os filhos por meio de contação de histórias, que podem ou não ter um livro como base. A diretora comenta que todos os envolvidos são beneficiados no processo: “as histórias têm o poder de envolver as crianças e o contador ou leitor em uma experiência única, em um tempo de qualidade, que gera laços e memórias afetivas, além de melhorar o foco e a capacidade de concentração desde cedo”.

Responsabilidade compartilhada

A família e a escola são os principais agentes de incentivo à leitura. Em casa, os pais podem desenvolver o gosto por histórias por meio de leituras na hora de dormir, pelo exemplo de ler por lazer e criar um ambiente de leitura em casa. Enquanto na escola, as atividades e projetos trabalhados em sala desenvolvem o leitor, com cada vez mais ferramentas para compreender o mundo e a si mesmo por meio de diferentes conteúdos.
Isabel Lopes Coelho defende que a leitura por crianças, desde pequenas, é um ato muito importante para a formação de indivíduos mais conscientes de si mesmos e cidadãos mais sensíveis ao próximo. “São habilidades necessárias em um mundo cuja convivência social é cada vez mais restrita e mediada pela tecnologia, à distância”, pondera.

Tecnologia ajuda ou atrapalha?

Apesar de aparelhos eletrônicos não serem indicados para os pequenos, a pandemia mostrou que as telas podem ser usadas para lazer e aprendizado de maneira equilibrada. Na opinião de Marcia Maria Rosa, a tecnologia complementa a experiência da leitura e pode ser usada para despertar ainda mais o interesse de crianças e jovens. “Aproveitar vídeos, jogos e toda a possibilidade multimídia da tecnologia é algo que complementa a experiência do livro. É muito comum séries de filmes atraírem leitores para as obras originais, por exemplo, e vice versa”, relata.

VEJA TAMBÉM: O que as crianças gostam de ler? Pesquisa revela lista de livros infantis preferidos

Essa ampliação da experiência, desde que feita com equilíbrio, é benéfica e estimula ainda mais o hábito da leitura. Mas, o que o mundo digital ainda não conseguiu, foi substituir a emoção de acompanhar uma boa história a cada folhear de página, e a vivência única que só um leitor tem com seu próprio livro. Isabel conclui: “saber dosar quando devemos desligar da tela e aproveitar a leitura com outros sentidos: além do visual, tato e olfato (e até paladar, para as crianças pequenas) durante o manuseio dos livros são igualmente importantes no desenvolvimento da sensibilidade”.

Confira alguns títulos sugeridos para comemorar o Dia Nacional do Livro:

OBRAS PREMIADAS

Minha família Enauenê

Um livro que aborda, de maneira sensível, questões como a dos papéis sociais, da divisão do trabalho, da diversidade cultural e dos diferentes modos de vida.
Prêmio da Associação dos Escritores e Ilustradores de Literatura Infantil e Juvenil de Melhor Livro Infantil de 2019

Então quem é?

Em primeira pessoa, o narrador se dirige ao leitor propondo adivinhas e sempre terminando com a pergunta: É o lobo?. No decorrer da história, são os animais de estimação do narrador que aparecem.
Prêmio Açorianos (Prefeitura de Porto Alegre) Melhor livro infantil

O menino de calça curta

História emocionante e um tanto cômica sobre um menino que descobre que houve uma desavença entre seu avô e bisavô, resgatando os laços de afetividade entre a família, lembrando ao leitor que sempre há tempo para a reconciliação.
Prêmio FNLIJ 2019 Altamente Recomendável FNLIJ 2019 – Produção 2018 – Categoria Criança

O túnel

 

Valendo-se da multiplicidade de ideias que nos vêm à mente quando pensamos na palavra “túnel”, a autora e a ilustradora apresentam ao leitor uma história divertida que trata da noção de perspectiva e ponto de vista.
Prêmio FNLIJ 2020 Altamente Recomendável FNLIJ 2020 – Produção 2019 – Categoria Criança

Cadê o livro que estava aqui?

 

Ideal para leitura mediada ou para o leitor iniciante, esse livro mistura brincadeira e literatura. A cada virada de página, o pequeno leitor é convidado a procurar os bichos fujões e a descobrir onde o livro foi parar.
Prêmio Jabuti 2020 – Categoria Ilustração

E-BOOKS DISPONÍVEIS GRATUITAMENTE

Um dia de folga
Flávia Muniz
Ao acompanhar o pai em viagem para a cidade grande, um menino percebe pela janela do ônibus as mudanças da paisagem. Traz adesivos para completar as ilustrações.

O joão-de-barro
Flavio de Souza
Informações e curiosidades sobre o joão-de-barro, em linguagem leve e bem-humorada. Traz atividades ao final do texto.

Mamãe gata e seus pintinhos
Cláudio Fragata
História com rimas protagonizada pela gata e que trabalha com o valor solidariedade. Traz atividades ao final do texto.

Festa no Céu
Ana Maria Machado
Um jabuti sente o preconceito no casco.

Quem mais ameaça: a chuva ou a onça?
F. Savary
Lendas da Amazônia que sobreviveram aos anos. Conto do livro “Lendas da Amazônia… e é assim até hoje”.

O Pica-pau
Heloísa Prieto
Uma homenagem às aves, reais ou fantásticas, presentes em diferentes culturas. Conto do livro “O livro dos pássaros mágicos”.

Mesmo lugar, outra festa
Ana Maria Machado
Uma história tradicional africana recontada por uma de nossas maiores escritoras, do livro “Histórias Africanas”.

 

Você sabia que o Curitiba de Graça é um veículo feito por jornalistas e é independente? Para continuarmos fazendo nosso trabalho de difusão da cultura precisamos do seu apoio. Veja como colaborar AQUI.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Publicações Recentes

Duas narrativas, um autor

Com textos sensíveis combinados a imagens de apurada técnica, André Neves acredita que as narrativas verbais e visuais andam...
- Advertisement -

Veja Também

spot_imgspot_img

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.