Regional do Boa Vista recebe Mutirão da Cidadania

//Regional do Boa Vista recebe Mutirão da Cidadania

Mutirão da Cidadania acontece até amanhã na Regional Boa Vista

 

Jéssica Salles, fez o cadastro único para programas sociais no Mutirão da Cidadania do Boa Vista. Foto: Gabriel Herdina/SMCS

 

Desde quinta-feira, 1º de março, acontece o Mutirão da Cidadania na Rua da Cidadania da Regional Boa Vista. A Fundação de Ação Social (FAS) participa da feira de serviços, que vai até este sábado, 3 de março, com ações gratuitas, como a realização de cadastro único para participação em programas sociais. A expectativa é que, neste mutirão, sejam feitos 3.000 atendimentos pela FAS.

Além do cadastro único para programas sociais, a FAS também oferece orientações sobre direitos das crianças e dos adolescentes, das mulheres e das pessoas idosas. Os Centros de Referência da Assistência Social (Cras) e os Centros de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), também fizeram exposições de trabalhos desenvolvidos nas unidades.

A supervisora da FAS da Regional Boa Vista, Cláudia Foltran, esclarece que os serviços oferecidos pela fundação no mutirão buscam orientar sobre os trabalhos do órgão e também convidar as pessoas a procurarem os serviços dos Cras e Creas. “Estamos fazendo um apanhado geral dos nossos serviços. Mas a pessoa que vem para fazer o cadastro único já realiza o atendimento na hora e sai com o comprovante em mãos, para fazer o acompanhamento dos programas sociais”, afirma Cláudia.

Atendimentos até sábado
Para atender a população no cadastro único, a FAS disponibiliza seis profissionais que fazem os encaminhamentos para os programas sociais, como o Bolsa Família.

A dona de casa Jéssica Salles foi ao mutirão especialmente para procurar os serviços da FAS, fazer a carteira de identidade e aproveitar outros atendimentos que a feira oferece. “Eu fiz o cadastro único na tenda da FAS, vou na Cohab refazer meu cadastro e no conselho tutelar resolver sobre a transferência da minha filha de escola”, conta.

Enquanto Jéssica buscava os atendimentos, seus dois filhos ficaram no espaço do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculo, serviço ofertado pelo Cras. Lá, participaram da oficina de jogos educativos Pensar e Agir, do Cras Pilarzinho.

Ação Social e Emprego
No espaço destinado à Ação Social e Emprego, do Mutirão da Cidadania, a Secretaria de Estado da Família e Desenvolvimento Social, a Coordenadoria da Política da Mulher e a Secretaria de Estado da Justiça, Trabalho e Direitos Humanos também oferecem serviços.

Até sábado, é possível fazer o cadastro e conseguir encaminhamento para vagas de emprego pela Agência Central do Estado, emitir a carteira de trabalho, participar do atendimento para pessoas com deficiência e reabilitados do INSS no Sine Móvel ou aproveitar os serviços para as mulheres no Ônibus Lilás.

 

2018-03-02T18:00:52+00:00 02 Março - 2018 |0 Comentários

Deixe uma resposta