Dra. Pet: O que é necessário para viajar de avião com seu pet

Saiba quais pets podem ir dentro da cabine do avião e todos os documentos necessários para a viagem

Jacqueline Felippetto

Muitas famílias não deixam de levar seus bichinhos de estimação nas viagens de férias pelo Brasil. Em muitos casos, essa viagem é feita de avião e têm algumas regras para transportá-los. Existem empresas especializadas que podem cuidar desse serviço do embarque do pet, tomando todos os cuidados necessários para que o animalzinho tenha uma viagem tranquila.

Tudo deve ser feito com muita antecedência. Na hora de reservar a viagem com o pet, você precisa verificar junto à companhia aérea se há a possibilidade de levar o animalzinho junto na cabine. Algumas companhias aéreas permitem que cães e gatos de até 5 kg possam ir junto na cabine com o dono e outras aceitam pets até 10 kg – mas, esses pesos correspondem a soma do peso do pet mais o peso da caixa de transporte.

Mas, existem algumas raças com o focinho achatado, como pug e pequinês, que durante o voo podem ter dificuldade de respirar e acabar falecendo. Para esses bichinhos não é aconselhado a viagem de avião.

VEJA TAMBÉM: Conheça três métodos de identificação para o seu bichinho de estimação

Cada companhia aérea cobra uma taxa adicional para transportar o pet e os preços variam. Por isso, a importância de fazer tudo com bastante antecedência. Caso o passageiro seja deficiente visual e tutor de um cão guia, não é cobrada essa taxa pelo transporte do cão.

E quais são os documentos necessários para viagem nacional de cães e gatos no avião?

  • Atestado de saúde emitido por médico veterinário registrado no Conselho Regional de Medicina Veterinária da Unidade Federativa de origem do pet, afirmando que o animalzinho encontra-se em perfeito estado de saúde para viajar. Esse atestado tem validade de 10 dias após a emissão
  • Carteirinha de vacinação em dia emitida por médico veterinário, com as etiquetas e o número da partida das vacinas
  • A vacina contra raiva deve ter sido aplicada há mais de 30 dias e há menos um ano da data de embarque do pet
  • Importante estar com vermífugo e produtos contra pulgas e carrapatos em dia

Outro item essencial é a caixa de transporte do pet, que deve ser de plástico resistente, lavável, confortável (o pet precisa conseguir ficar de pé e ainda dar uma volta em torno de si mesmo) e bem ventilada. O pet ainda deve estar acostumado a entrar e ficar na caixa para evitar transtornos. Quanto ao tamanho máximo da caixa, o ideal é obter todas as informações necessárias diretamente com a companhia aérea. Não esqueça de colocar nome, endereço e telefone do proprietário na caixa. Caso possa, é interessante fazer a microchipagem também, no caso de fuga do pet.

Antes de viajar de avião com seu bichinho, sempre peça orientação do médico veterinário sobre os cuidados que devem ser tomados antes do embarque e boa viagem!

Jacqueline Felippetto
Jacqueline Felippetto é médica veterinária e atua na área de animais de companhia. Há quase 20 anos, participa de programas de televisão para dar dicas de como cuidar de bichos de estimação, que também são compartilhadas no canal do Youtube, Bichos na TV

Deixe uma resposta

Publicações Recentes

Últimos Dias para Visitar a Exposição Poty Expandido na CAIXA Cultural Curitiba

Com entrada gratuita, confira a homenagem ao artista curitibano Poty Lazzarotto. A exposição vai até 30 de junho. Exposição Poty...

Veja Também

spot_imgspot_img

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.