Sobre Rodas é a nova coluna do Curitiba de Graça

Coluna Sobre Rodas trará testes, novidades e lançamentos do mundo automobilístico

Por Carlos Borio

Seja muito bem-vindo! Estamos dando início a uma coluna especialmente dedicada ao mundo dos motores. A ideia é trazer para você as novidades, lançamentos, testes e tudo o que for relacionado. Espero que você goste. Então, vamos lá!

E nada melhor que estrear a coluna com um dos lançamentos da Peugeot, o novo 208. Testei a versão Griffe, que é a topo de linha, por uma semana e é de colocar um sorriso no rosto após a primeira volta. Primeiro, porque o design ficou realmente espetacular. O novo 208 ofusca os concorrentes ao andar pelas ruas e estradas. O visual agressivo e esportivo, destacado pelos faróis full led, onde a luz diurna tem formato de dente de leão, faz qualquer um virar o pescoço para dar uma olhada.

Peugeot 208
Traseira do novo Peugeot 208. Foto: Carlos Borio

O interior é outro ponto de destaque do carro. Recheado de tecnologia, o 208 é muito confortável, pelo menos para o motorista e o passageiro da frente. Quem vai atrás precisa se espremer um pouco, principalmente as pernas. E o espaço do banco traseiro também só comporta, com algum conforto, dois adultos, três já fica quase impraticável.

O painel do novo 208 é mais um atrativo. O “i-cockpit” nas versões Allure e Griffe é em 3D. E a visualização é por cima e não por dentro do volante, herdado do modelo 3008. São várias opções de visualização de informações. A central multimídia continua a mesma da versão anterior, mas não é nenhum demérito, afinal ela já era muito boa. Logo abaixo ficam as “teclas”, como no 3008, de acesso às funções mais acessadas. Tem ainda um compartimento para carregar o celular por indução.

Peugeot 208
Detalhes do painel. Foto: Carlos Borio

A versão Griffe, que é a topo de linha, conta com seis airbags, sensor de chuva, ar-condicionado automático digital, leitor automático de placas de trânsito com indicação do limite de velocidade da via, alerta de colisão com frenagem automática, regulador e limitador de velocidade, farol alto automático e também um sistema de manutenção em faixa autônomo.

O que pode fazer muita gente torcer o nariz é o motor. A aposta é que o novo 208 viria com o motor 1.2 turbo, que roda na Europa, mas a Peugeot optou por trazer para o Brasil o motor 1.6 aspirado. São 118 cv, flex, que até fazem muito bem o seu trabalho. No modo Eco, a prioridade é o consumo de combustível e o 208 alcança 11 km/l na cidade e 14 km/l na estrada com gasolina. Se você acelera com suavidade, a 50 km/h já está em sexta marcha e ele dificilmente reduz a marcha, justamente para economizar combustível. Já no modo Sport, o 208 fica muito divertido de dirigir. As respostas são rápidas e as mudanças de marcha são feitas em alta rotação.

Na estrada

Peguei a estrada e desci até a praia de Itapoá, no litoral catarinense. O 208 se mostrou muito confiável, confortável e esperto. O novo conjunto de suspensão deixou o carro mais estável, absorve muito bem as imperfeições do piso e estão bem isoladas, deixando a viagem tranquila e silenciosa.

Ao pisar no acelerador, o novo 208 faz você se sentir seguro. Não fica devendo nada para a concorrência e o motor 1.6 empurra todo o conjunto satisfatoriamente. Com o teto panorâmico aberto, a sensação é de um aumento no espaço da cabine e uma iluminação natural. No retorno, muita chuva na estrada e o 208 se comportou muito bem.

Peugeot 208
Detalhes da dianteiro do novo Peugeot 208. Foto: Carlos Borio

A versão Griffe parte de R$ 94.990, enquanto a versão de entrada sai por R$ 74.990. Se você busca um carro com estilo, bonito e que vai se destacar no trânsito, o novo 208 é o modelo ideal. Pena que a Peugeot não trouxe o motor 1.2 turbo, o que deixaria o hatch perfeito.

 

Carlos Borio é jornalista com mais de 20 anos de experiência. Trabalhou na Tribuna do Paraná, onde atuou como repórter e editor de esportes, turismo, geral e automóveis

 


Você sabia que o Curitiba de Graça é um veículo feito por jornalistas e é independente? Para continuarmos fazendo nosso trabalho de difusão da cultura precisamos do seu apoio. Veja como colaborar AQUI.

3 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicações Recentes

Oficina de Música: Programação infantojuvenil ganha destaque na edição virtual

Shows para as crianças e bate-papos para pais e educadores estão entre as atrações A educação musical também têm destaque...
- Advertisement -

Veja Também

close-link
1vbOJm4gRLHIeVVCT3VKjoSf3gUTH4wpm3RqkByOFLr5dpTNpnfG0zRzWqFtH2zDleb85kuSfcU8zHc5lgdOnw==