Semana de Combate à Intolerância Religiosa tem programação virtual gratuita

Seminário e celebração on-line tem objetivo de enaltecer o respeito e paz entre todas as manifestações religiosas

O respeito entre as religiões, cultos e a liberdade de as pessoas manifestarem suas crenças serão os temas tratados durante a Semana de Combate à Intolerância Religiosa, que ocorre entre os dias 19 a 21 de janeiro. A programação será on-line, gratuita e promovida pela Assessoria de Direitos Humanos – Promoção da Igualdade Étnico-Racial em parceria com o Conselho Municipal de Política Étnico-Racial (Comper).

No dia 21 de janeiro é celebrado o Dia Mundial das Religiões e o Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa, instituído pela Lei nº 11.635 de 2007. A data é uma homenagem a Yalorixá Gildária dos Santos, a Mãe Gilda, do Axé Abassá de Ogum, que foi vítima de diversas agressões, verbais e físicas, provocadas pelo preconceito à sua religião.

“Uma sociedade saudável não pode compactuar com crimes de intolerância religiosa ou agressões, ataques e quaisquer gestos e palavras que incitam ódio, discriminação e preconceito contra adeptos de religiões e movimentos espiritualistas, suas tradições, templos e objetos sagrados”, aponta a presidente do Comper, Regiane Sacerdote.

VEJA TAMBÉM: Oficina de Música: Inscrições para ouvintes nas aulas on-line seguem abertas

No Brasil, o direito à liberdade de religião ou crença está previsto no artigo 5º, VI, da Constituição Federal, que determina que “é inviolável a liberdade de consciência e de crença, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos e garantida, na forma da lei, a proteção aos locais de culto e suas liturgias”.

A prática de discriminação ou preconceito contra religiões também é considerada crime, com pena de reclusão prevista de 1 a 3 anos, além de multa, segundo a Lei nº 7.716/1989.

“Além de ser crime, é inaceitável, inadmissível conviver com práticas que humilham e constrangem não somente a população afrodescendente e indígena, como também ateus, povos ciganos, populações tradicionais e diversas outras tradições religiosas”, afirma a assessora da Promoção da Igualdade Étnico-Racial da Prefeitura, Marli Teixeira Leite.

Programação da semana

No dia 19 de janeiro, às 19h, a programação começa com o seminário on-line: “Intolerância Religiosa, basta! Respeito Religioso é o Que Queremos”. A transmissão será ao vivo pela página do Facebook do Conselho Municipal de Política Étnico-Racial (Comper).

A presidente do Comper, Regiane Sacerdote, e a vice-presidente e assessora da Promoção da Igualdade Étnico-Racial, Marli Teixeira Leite apresentarão o Fórum de Religiões de Matriz Africana, os desafios geográficos para o estudo da intolerância religiosa e as produções e avanços da gestão da Prefeitura no campo do respeito religioso.

No dia 20 de janeiro, no mesmo horário e página, o seminário continua abordando o fundamentalismo e o diálogo inter-religioso, as interfaces políticas e sociais das religiões de Matriz Africana e as ferramentas jurídicas de combate ao racismo religioso.

Já no 21 de janeiro, em que é celebrado o Dia Mundial das Religiões e o Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa, a Casa das Religiões promoverá uma celebração inter-religiosa das 18h às 19h30, com transmissão pelo Facebook.

Com o tema “Pela Cultura de Paz e pelo vem viver de todas as manifestações sagradas”, a celebração terá uma apresentação cultural do Creuni (Casa das Religiões Unidas) para enaltecer o respeito e a paz entre todas as manifestações religiosas.

 

Você sabia que o Curitiba de Graça é um veículo feito por jornalistas e é independente? Para continuarmos fazendo nosso trabalho de difusão da cultura precisamos do seu apoio. Veja como colaborar AQUI.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicações Recentes

Dia da Mulher movimenta mercado de palestras online

Jornalista Adriane Werner fará palestras com o tema “Comunicação é Poder”, mostrando que, ao desenvolver sua oratória, as mulheres...
- Advertisement -

Veja Também

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.
1vbOJm4gRLHIeVVCT3VKjoSf3gUTH4wpm3RqkByOFLr5dpTNpnfG0zRzWqFtH2zDleb85kuSfcU8zHc5lgdOnw==