Programa de rádio “O Homem e a Terra” completa 45 anos no ar

Produzido pela equipe de comunicação do Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná-Emater-Iapar, é transmitido por 115 emissoras no estado

O rádio é a companhia de muitos trabalhadores da área rural e um dos programas voltado especialmente para eles acaba de completar 45 anos no ar: O Homem e a Terra, produzido pelo Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná-Iapar-Emater (IDR Paraná) e transmitido de segunda a sexta-feira em mais de 100 emissoras.
A música de abertura do programa, interpretada pela Orquestra Armorial, passou a fazer parte do dia a dia das famílias rurais paranaenses no dia 10 de maio de 1976. Foi o primeiro programa rural no Paraná a ser transmitido por um veículo de comunicação.
Desde então, “O Homem e a Terra” leva informações e orientações técnicas aos agricultores. O programa sempre acompanhou grandes acontecimentos do setor como a implantação do ciclo de grãos, substituindo o café, em decorrência da “geada negra” de 1975. Naquele ano, o Paraná teve que reinventar sua agropecuária e o rádio foi um importante suporte para difundir novas práticas entre os agricultores.
Maurílio Aparecido dos Santos, de Salto do Lontra, é um ouvinte assíduo do programa do IDR-Paraná, transmitido em seu município pela 89.5 FM. “Ouço O Homem e a Terra há mais de vinte anos. Lembro quando o Ramon Ribeiro era o apresentador. Eu ouço porque gosto das informações agrícolas e da previsão do tempo com o Lasinski (Luiz Renato Lasinski)”, conta.
Segundo ele, o programa de rádio apresentou várias novidades. Uma delas virou a principal atividade em sua propriedade. “O rádio foi um incentivo para eu começar a criar peixe. Com a assistência da antiga Emater, hoje IDR-Paraná, atualmente tenho dez mil tilápias nos tanques, mas quero aumentar para 37 mil peixes”, afirma Santos.

Foto antiga de um repórter entrevistando um produtor rural. Os nomes não foram identificados. Crédito: Divulgação/AEN

Carlos Alexandre da Silva Harold, do IDR-Paraná de Santa Helena, conta que o programa ajuda na divulgação das ações do município junto aos produtores. “Todas as rádios de Santa Helena transmitem o programa. É bem ouvido e comentado pelos produtores. Ajuda a divulgar a imagem da instituição nas comunidades rurais”, observa.

Mensagens curtas para toda a família rural

A linha editorial do programa é clara e pretende levar informação para toda a família, além de divulgar políticas públicas. Mas as conversas não se limitam aos programas oficiais. Na maioria das vezes, as entrevistas tratam de problemas do dia a dia do produtor e, além dos extensionistas do IDR-Paraná, também podem incluir pesquisadores e profissionais de outras instituições, bem como depoimentos dos próprios produtores.
Diversos profissionais se sucederam no programa. Na maior parte desses anos, a gravação era feita pelo sonoplasta Edison Racoski, no estúdio mantido pelo IDR-Paraná. Hoje o trabalho é terceirizado. Na locução, Reinaldo Camargo, Josué Pinheiro, Sérgio Piccheto, Paulo Neto e Ramon Ribeiro deram voz a O Homem e a Terra. Atualmente a apresentação é feita pelo jornalista Amarildo Alba.

VEJA TAMBÉM: Cultura da Terra: 1° de maio de solidariedade e união da classe trabalhadora do campo e da cidade em Curitiba

“Tenho boas lembranças desse programa. Foi o trabalho mais dignificante da minha atividade como jornalista e radialista. Pelo rádio, e especificamente pelo programa O Homem e a Terra, fiz amigos entre os agricultores que até hoje estão em contato comigo através das redes sociais. Tudo porque é um programa que valoriza o agricultor e contribui demais para o desenvolvimento e bem-estar da família rural. Tenho saudade”, disse  Ramon Ribeiro.
O programa nasceu como um braço da empresa responsável pela assistência técnica aos produtores na época, que se transformaria em Emater. Um dos criadores do programa, Josué Gomes Pinheiro, lembra que, desde o início, o objetivo foi transmitir mensagens curtas, em tom de uma boa conversa, com a intenção de motivar o agricultor a se interessar por um assunto e buscar mais informações com um extensionista.

Foto do estúdio da rádio. O ano e os nomes dos apresentadores não foram identificados. Crédito: Divulgação/AEN

Inicialmente o espaço na grade das emissoras de rádio foi comprado pela empresa em quatro veículos no Sudoeste do Estado. Como o programa teve uma boa receptividade, rapidamente o número de emissoras contratadas aumentou. Entretanto, os contratos começaram a pesar nos custos da empresa, o que levou a direção a comunicar a suspensão do envio dos programas pagos.
Porém, o conteúdo foi mantido à disposição para quem quisesse transmitir “O Homem e a Terra”. Diversas emissoras manifestaram o interesse de continuar com o programa e firmaram o compromisso de transmiti-lo na íntegra. Ao longo dos anos, o número de emissoras foi se ampliando.
Hoje, o programa O Homem e a Terra é transmitido por 115 emissoras e também pode ser ouvido no site do IDR-Paraná, no www.idrparana.pr.gov.br, e no podcast do IDR-Paraná em diversas plataformas de áudio.
 
Você sabia que o Curitiba de Graça é um veículo feito por jornalistas e é independente? Para continuarmos fazendo nosso trabalho de difusão da cultura precisamos do seu apoio. Veja como colaborar AQUI.

Deixe uma resposta

Publicações Recentes

Últimos Dias para Visitar a Exposição Poty Expandido na CAIXA Cultural Curitiba

Com entrada gratuita, confira a homenagem ao artista curitibano Poty Lazzarotto. A exposição vai até 30 de junho. Exposição Poty...

Veja Também

spot_imgspot_img

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.