Professor aponta para a necessidade de mudanças na pedagogia e preconceito contra alunos LGBT

Pesquisas do professor e pedagogo Dr. Everton Ribeiro se transformaram em livros e demonstram que é possível alterar padrões que já não funcionam nas escolas

Camile Triska
Renovação no ensino, com uma educação mais crítica e menos preconceitos. Para o Dr. Everton Ribeiro, doutor em Educação com ênfase em Desenvolvimento Humano, pedagogo e professor de Artes Cênicas e do Mestrado em Educação Profissional e Tecnológica do Instituto Federal do Paraná (IFPR), essas são mudanças urgentes e tema de duas pesquisas, que foram publicadas em livros.
Educação preventiva, marcadores sociais da diferença, formação de professores, sexualidade, relações de gênero, LGBTfobia e segurança escolar são os focos das pesquisas do pedagogo. Segundo ele, o bullying contra estudantes LGBT, um dos assuntos dos livros, tem sido alarmante no Brasil e em vários países. “É ainda mais assustador quando a discriminação parte de docentes ou de outros funcionários da escola”, ressalta.
A alteração do modelo de currículo e o formato conteudista das escolas, ou seja, focado apenas na transmissão do conteúdo pelo professor, também são fundamentais, pois não refletem a complexidade da cultura, da sociedade e do mundo, segundo Everton Ribeiro. “Precisamos formar urgentemente profissionais da educação que ‘pensem fora da caixa’. Refletir novos métodos e práticas pedagógicas repletas de complexidade é o caminho para uma educação transformadora”, afirma.

Pesquisas dos livros

“A Segurança Escolar de Estudantes LGBT na Pauta da Formação de Professores: Experiência Estética e Desenvolvimento Humano” (Appris Editora) analisa os resultados de uma pesquisa-ação realizada por meio da experiência do drama como método de ensino para promover debates e tensões relacionadas às sexualidades dos alunos na formação de professores da Educação Infantil ao Ensino Médio.
“O drama, ou process drama, é um método de ensino de teatro no qual o foco é a experiência dramática, a vivência de uma situação que perpassa o real e o ficcional. O método se mostra fecundo para a formação de professores ao passo que aborda um olhar sensível para questões que muitas vezes não nos comove no plano da realidade, como é o caso das violências ocasionadas a pessoas que expressam sexualidades dissidentes”, esclarece o professor.
A pesquisa foi realizada com 17 professoras que atuam na cidade de Jacarezinho, no Paraná, e os resultados mostraram ampliação do olhar delas para a discussão do tema e uma abertura para o acolhimento e visões menos preconceituosas de alunos LGBT.

Já “Para que esse Drama? Pedagogia do Teatro e Transversalidade na Formação de Professores” (Appris Editora) foi a pesquisa de mestrado de Everton Ribeiro, realizada  com 17 estudantes de graduação, a maioria da Licenciatura de Artes, da Universidade Federal do Paraná na cidade litorânea de Matinhos.

VEJA TAMBÉM: Especialista responde cinco dúvidas sobre ensino híbrido

O drama como método de ensino também foi utilizado nessa pesquisa, fazendo uma articulação com os temas transversais: Ética, Saúde, Meio Ambiente, Pluralidade Cultural, Trabalho e Consumo e Sexualidade. “O drama é o método de ensino que explora o real e o imaginário simultaneamente, por isso proporciona uma experiência ao longo do processo, uma vivência transformadora para os participantes”, salienta Everton Ribeiro.
Os resultados mostraram que os temas transversais podem, de fato, ser incluídos na prática pedagógica sem que a abordagem seja conteudista. “Todos os temas foram citados nos relatos dos participantes, ao final, mesmo que em nenhum momento eles fossem enunciados no processo dramático da pesquisa”, observa o professor.
Os livros “A Segurança Escolar de Estudantes LGBT na Pauta da Formação de Professores: Experiência Estética e Desenvolvimento Humano” e “Para que esse Drama? Pedagogia do Teatro e Transversalidade na Formação de Professores” estão à venda no site da Appris Editora.
 
Você sabia que o Curitiba de Graça é um veículo feito por jornalistas e é independente? Para continuarmos fazendo nosso trabalho de difusão da cultura precisamos do seu apoio. Veja como colaborar AQUI.

Deixe uma resposta

Publicações Recentes

Evento gratuito com show de jazz: Alameda Prudente de Moraes será fechada dia 25 para o Prudente Cultural

Edição do “Prudente Cultural” acontece neste sábado, 25 de maio de 2024. Um evento gratuito com show de jazz,...

Veja Também

spot_imgspot_img

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.