Dra. Pet: Confira as principais dúvidas sobre doenças dermatológicas nos pets

Uma simples coceira pode ser sinal de uma doença de pele em seu bichinho de estimação. Confira as orientações da Dra. Pet

Por Jacqueline Felippetto

O calor excessivo, umidade, chuvas, contato com outros animais e praia são alguns dos fatores que propiciam as doenças de pele. Hoje, respondo as três principais dúvidas que os donos e tutores de pets costumam ter.

Como saber se o meu bichinho está com problema de pele?
Muitas vezes, as pessoas demoram a perceber os sinais e sintomas de problemas de pele em seus bichinhos. Os mais comuns são: coceira intensa, descamação da pele, vermelhidão, queda excessiva de pelos, áreas sem pelo, odor forte da pele e mordedura no local da área afetada.

As doenças de pele dos animais podem ser transmitidas para humanos?
Sim! Por isso, todo o cuidado é pouco. Existem as micoses que são causadas por fungos. A mais grave é a esporotricose, transmitida pelo gato. A sarna sarcóptica causada por um ácaro também é comum, causa uma coceira intensa e vermelhidão na pele e o cão contaminado pode transmitir esse tipo de sarna.

Quais são as doenças de pele mais comuns nos pets?
As mais comuns são sarna sarcóptica (cães), sarna notoedrica (gatos), sarna demodecica, micoses, dermatite úmida aguda, alergia de contato, alergia alimentar, alergia a pulgas, dermatites, piodermites e ainda doenças de causa hormonal.

Percebeu que o seu animalzinho está se coçando muito? Leve-o imediatamente para fazer uma consulta veterinária. Muitas vezes é necessário fazer exames complementares para o tratamento específico da doença. Em alguns casos, o tratamento pode ser prolongado, exigindo medicação diária, banhos, medicamentos injetáveis e acompanhamento direto. Quanto mais cedo for diagnosticado o problema dermatológico do pet, mais fácil será o tratamento.

Dica importante
Tudo pode começar com uma simples coceira, por isso, a importância de observar sempre seu animalzinho e ficar atento a qualquer alteração na pele dele. Sempre consulte um médico veterinário e nada de medicar o seu bichinho por conta própria.

 

Espero que tenham gostado das dicas e até a próxima!

 


Jacqueline Felippetto é médica veterinária e atua na área de animais de companhia. Há quase 20 anos, participa de programas de televisão para dar dicas de como cuidar de bichos de estimação, que também são compartilhadas no canal do Youtube, Bichos na TV.

 

Deixe uma resposta

Publicações Recentes

41ª Oficina de Música de Curitiba tem opções de shows e concertos com entrada grátis

Em 11 dias de programação, a 41ª Oficina de Música de Curitiba oferece muitas opções de shows e concertos...

Veja Também

spot_imgspot_img

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.